E-book gratuito Revolução verde

BAIXAR E-BOOK

Blog

Pecuária sustentável: mais lucro e proteção ao meio ambiente

PUBLICADO EM: 07/mar/2018

pecuária sustentável

A cada dia fica mais notável o quanto está fácil obter informações sobre uma das principais preocupações do momento: a sustentabilidade. Engana-se quem pensa que isso tem ganhado espaço apenas entre grandes líderes mundiais – que estão se mobilizando para encontrar soluções para os problemas ambientais que o mundo vem enfrentando -, mas também está ocorrendo um grande aumento das ações individuais, especialmente no campo, onde produtores rurais estão finalmente criando consciência sobre a importância de se adotar ações que sejam capazes de melhorar a qualidade de vida do planeta. Por isso, vamos falar um pouco de pecuária sustentável.

Esta é uma realidade: a pecuária é vista como um vilão do meio ambiente. De acordo com o Estadão,  isso ocorre devido ao desmatamento de florestas nativas para abertura de pastagens, às extensas áreas de plantação de grãos como a soja, que servem de alimento para o gado, além de outras pegadas ecológicas da produção de carne e leite, como a emissão de metano produzido pelo processo digestivo do boi, que aumenta a emissão de gases de efeito estufa. Contudo, o processo pode e deve ser diferente.

Atualmente, 70% da área de pastagem no Brasil está em algum estágio de degradação, resultando em baixa produtividade para a propriedade rural. De acordo com Leonardo Rezende, produtor rural, pesquisador e sócio do projeto Pecuária Neutra, esse é um dos motivos pelos quais a demanda ecológica para produzir carne e leite no Brasil é elevada. Ele afirma que em uma área onde poderiam caber 10 animais, hoje temos apenas um ou dois, o que acaba diminuindo a eficiência da fazenda e aumentando sua pegada ecológica.

Na atual situação em que o mundo se encontra, as preocupações de um produtor rural precisam ir muito além de apenas buscar o baixo custo na produção e a entrega de um produto de qualidade. Hoje, o mercado está exigindo uma nova postura dos pecuaristas, onde respeitar o meio ambiente e proporcionar mais conforto aos animais são fatores essenciais para desempenhar as atividades da melhor maneira possível.

A água é o insumo mais importante em uma fazenda e contribui com os cuidados ambientais que a propriedade rural precisa adotar. Além de ser parte fundamental da dieta das vacas, a água é utilizada na limpeza da fazenda, higiene dos animais e irrigação, precisando ser preservada e protegida de contaminações. Para que isso aconteça, é preciso elaborar projetos completos e inteligentes para manejo e transporte dos dejetos, com o intuito de garantir a qualidade das águas e também do solo. Realizar o manejo sustentável dos dejetos, além de gerar benefícios para o meio ambiente, pois evita o contágio do solo e da água e reduz as emissões de metano na atmosfera, também contribui com o aumento da economia financeira.

Além dos cuidados com o meio ambiente, outra tendência que vem ganhando espaço e precisa ser incentivada na pecuária moderna é o conforto dos animais. Os pecuaristas precisam dar uma atenção maior para o assunto, pois alguns cuidados que, na maioria das vezes, não representam um investimento muito alto, podem proporcionar um aumento significativo na produtividade. As vacas, por exemplo, que possuem um ambiente bem preparado, com ventilação e higiene, se estressam menos, comem e bebem com mais frequência, tendo mais disposição e saúde.

Como obter mais lucro por meio da sustentabilidade

Mesmo com o avanço da prática sustentável e do reconhecimento de sua importância pelos produtores rurais, uma grande parte deles ainda são reticentes em investir em ações voltadas à sustentabilidade, principalmente com a atual crise econômica. Contudo, mesmo que o investimento seja caro, ele ainda consegue proporcionar excelentes retornos.

Propriedades rurais modelo, que priorizam ações sustentáveis, já estão entendendo que não se trata apenas de um custo, mas sim de um investimento que visa o lucro. O que ainda pode dificultar a adoção da sustentabilidade em fazendas é o tempo de retorno do investimento, que é de médio a longo prazo. Ainda assim, o produtor rural precisa ter ciência de que os benefícios proporcionados pela pecuária sustentável são notáveis, além de serem capazes de aprimorar a percepção de riscos anteriormente encobertos no custo da fazenda.

Concluindo

Na atividade pecuária, quanto mais eficiente ela for, mais sustentável ela se torna. Pastagens, se bem manejadas, são altamente produtivas e conseguem eliminar os efeitos negativos da pecuária no meio ambiente. Além disso, através de um melhor manejo, a produtividade tende a aumentar, estimulando a rentabilidade da atividade. Por isso, a atividade rural conduzida de forma mais sustentável pode até não reduzir custos, mas consegue aumentar a receita de qualquer propriedade rural e ainda contribuir com a preservação e proteção do meio ambiente.

Quer conferir mais dicas e soluções para alcançar o sucesso do seu agronegócio? Continue acompanhando o blog ou entre em contato com a MPrado Agronegócios para ter consultorias eficientes e pensadas para beneficiar a sua propriedade rural.

Acesse nosso site e conheça um pouco mais dos serviços oferecidos.

Solicite uma ligação

Preencha os campos que nós entraremos em contato rapidamente. Ficaremos felizes em falar mais sobre como podemos aprimorar a gestão da sua empresa.